quinta-feira, 14 de abril de 2016

#88

Em órbita

Aguardando que nos salve
E nos ensine sobre como é  lá  fora.
Eu não sei oque realmente importa

Voar nos faz tão bem

Toda preocupação se mantém degraus abaixo de nós
E fica impossível não sorrir livremente

Eu reforço a ideia de que o ar aqui em cima é  mais puro que o normal,
Aquele com o qual estamos acostumados a respirar

Conseguimos enxergar com detalhes aquilo que fazemos e melhor que isso,  onde podemos melhorar.

Em sonhos?

Onde qualquer toque é  chamado de verdade absoluta e cada sentimento é vivido verdadeiramente

Verdade
Eu ainda desejo a verdade
Que é  dita aos meus ouvidos,
Que é  escrita num pedaço de papel

E que na maioria é esquecida
Simplesmente porque as deixo ir
Ou porque vazam por entre os dedos

... Por puras mentiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Experimente

Loading...